[ editar artigo]

Não seja um profissional de Educação Física órfão

Não seja um profissional de Educação Física órfão

A Educação Física tem seus encantos, mas como qualquer profissão, tem seus desafios. Nos últimos anos tenho visto que cada um segue seu caminho. Enquanto uns obtêm sucesso, outros ficam esperando a “mão amiga”.

Chamo de órfão aqueles que esperam alguém pegar na mão e conduzir por um caminho, onde nem mesmo a pessoa sabe qual é. Por mais que você ainda tente ajudar, mesmo que seja um amigo, você pode atrapalhar.

Se você é um dos que se sente sozinho, não se culpe. Muito menos fique perdido. Como todas as áreas da vida, ter referências é de extrema importância.

São nossas referências que nos motivam, guiam e até ensinam. São essas pessoas que você tem que colar e tirar todas as suas dúvidas, porque trilharam o caminho que você também deseja trilhar. A diferença é que você não deve seguir os mesmo passos, porque isso não é garantia de sucesso, mas ainda assim pode utilizar de tudo que foi positivo a seu favor para então escrever a sua história.

Para quem gostar de ler, recomendo o livro: Roube como um artista.

Não se sinta só. Você tem uma comunidade inteira para te ajudar no caminho para a realização profissional!

Esporte & Movimento
Gustavo Garcia
Gustavo Garcia Seguir

Graduado em Educação Física e Nutrição Trabalho como personal trainer há 10 anos 5 pós-graduações

Ler conteúdo completo
Indicados para você